24 de março de 2019
ASPOL/PE denuncia caos na Segurança Pública de Pernambuco

ASPOL/PE denuncia caos na Segurança Pública de Pernambuco

08.01.2019

Em entrevista concedida pela manhã, ao Bom Dia Pernambuco, o Governador Paulo Câmara afirma que o estado comemora a melhor marca do Pacto Pela Vida, fato desmentido, pelo menos, para a pasta da Defesa Social, porque na madrugada do mesmo dia a Delegacia de Toritama era alvo de vandalismo.

Talvez o nobre governador realmente acredite nos números da estatística oficial ou simplesmente esteja muitíssimo mal informado da real atuação do banditismo em terras pernambucanas, que, de fato, é gravíssima.

Falando como se ainda estivesse em campanha, relatou a implantação de novos batalhões e novas delegacias, sem tecer, no entanto, comentários mais substanciais ou convincentes sobre salários, condições de trabalho e investimentos no aparelho estatal de investigação.

A Polícia Civil urge por incrementar seu ganho e seu efetivo e isso também ocorre na Polícia Militar, quanto nos órgãos que complementam todos os grupos ocupacionais da instituição.

O fato da depredação se deu na madrugada desta Segunda-feira, na Cidade de Toritama, Agreste pernambucano, quando um vadio se insurgiu contra a sede da Polícia Civil, depredando uma viatura e dois carros, enquanto o prédio era unicamente guardado por um único policial de plantão, que, aliás, era o proprietário de um dos veículos atingidos.

O caso logo tomou ares de ação do crime organizado, sem prejuízo de também se tratar de uma retaliação por parte de um policial investigado e excluído do meio.

Enquanto a neurose tomava conta de Toritama, a conjectura para o resto do estado era de verdadeira sensação de abandono, onde os policiais reivindicam justas gratificações, além de pagamento de míseras diárias das eleições e cotas de jornadas extras de serviços.

Fala-se, para este mês de janeiro, em progressão horizontal, mas como, se o ano acabou e o que receberemos retroage a dezembro?

A câmara lenta faz clara referência à dinâmica do governo para a gestão da máquina em todos os setores, sobretudo, para o setor da Segurança Pública, apelidada há algum tempo pela turma da lacração como Defesa Social, mas com as mazelas de sempre, que somente se agravaram e que vieram à luz, sobretudo, agora.

A ocorrência da depredação na distrital de Toritama certamente será elucidada, mas a situação da insegurança no estado será resolvida? As condições de salário e trabalho das polícias evoluirão para melhor? Teremos mais meios para melhor investigar crimes? Teremos apoio institucional para tratar bandido como bandido?  O meliante voltará a respeitar e temer a polícia?

Quando falamos em estrutura pensamos em tudo isso. E você, também pensa assim? Nós, da ASPOL, pensamos dessa forma e se você concorda, somamos mais um!

Sobre ASPOL/PE

ASPOL/PE
Escreva uma minibiografia para constar no seu perfil. Essas informações poderão ser vistas por todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top