21 de novembro de 2019
Equipe da 3ª DP prende acusado de estuprar e matar balconista em Caruaru

Equipe da 3ª DP prende acusado de estuprar e matar balconista em Caruaru

Letícia Santos foi encontrada morta no dia 17 de dezembro de 2012, em um matagal próximo à estrada da Mansão da Vida, na zona rural de Caruaru.
.
Operação policial contou com a brilhante atuação de policiais civis filiados ao MIPC/PE.
.
15.05.2013
.
A equipe de investigadores da 3ª Delegacia de Polícia Civil de Caruaru prendeu na manhã do último dia 23 de abril, Higor Hyrasson Teixeira de Andrade (25 anos), residente na Rua Dom Pedro ll, no bairro São Francisco, quando ele se preparava para fugir da cidade. Higor é acusado de estuprar e matar a jovem balconista Letícia Santos da Silva (19 anos), que residia na Vila Kennedy. Ela foi encontrada morta no dia 17 de dezembro de 2012, em um matagal próximo à estrada da Mansão da Vida, na zona rural de Caruaru.
.
Caruaru - 26.04.2013 - I
.
De acordo com o delegado do caso, Dr. Márcio Cruz, a vítima e o acusado tinham um caso amoroso e, na tarde do dia 16 de dezembro, se encontraram em um barzinho ao lado da antiga estação ferroviária para assistir à decisão do torneio Mundial de Interclubes na companhia de alguns amigos.
.
Caruaru - 26.04.2013 - II
.
Segundo testemunhas, após ingerir bastante bebida alcoólica, Higor saiu em sua moto. Coincidentemente, a vítima também saiu do recinto por volta das 17 horas. Ainda com base nos depoimentos das testemunhas, supõe-se que o rapaz levou a jovem até o local do crime, onde tentou ter relações sexuais com ela. Diante da recusa de Letícia, que segundo familiares era virgem, o imputado a estuprou e a assassinou à pedradas, deixando-a parcialmente despida.
.
Para o delegado Márcio, não há qualquer dúvida da autoria do crime. O celular da vítima foi encontrado com Higor, que chegou em casa lesionadonaquela noite, provavelmente por ter se ferido na luta corporal com a vítima, que estava com pele nas unhas. Além disso, os argumentos apresentados por ele eram todos falsos.
.
Para o delegado Márcio Cruz, o fato de o acusado ter se negado a fornecer material genético para confrontar com o material colhido nas unhas das mãos e na genitália da garota, e de ter tentado, sem sucesso, um habeas corpus preventivo para não ser interrogado, é um indicativo forte de sua culpa. “Ele assumiu a culpa quando não quis provar sua inocência”, afirmou o delegado.
.
Preso por força de Mandado de Prisão Preventiva, Higor Hyrasson foi encaminhado ao IML para ser submetido a exame traumatológico. Em seguida, ele foi encaminhado ao presídio Juiz Plácido de Souza, onde ficará à disposição da Vara do Júri de Caruaru.
.
A equipe policial da 3ª Delegacia de Caruaru é composta do delegado de políciaMárcio José da Cruz, pelos agentes de polícia, Antônio Fernando dos Santos Junior, Fernanda Alves da Silva, Luciano Soares dos Santos, Senival Marcos de Moraes, Simonal Vanderlei, Wendell Guedes Vieira, Gabriel Oliveira Pimentel, Humberto Vasquez Soares da Silva, Neyllon Klebson Santos da Silva e pelosescrivães, Fagner Moisés de Melo, George Araújo da Silva e Teresa Fabiolla Silva de Melo. Todos são associados ao Movimento Independente dos Policiais Civis de Pernambuco (MIPC/PE).

Sobre ASPOL/PE

ASPOL/PE
Escreva uma minibiografia para constar no seu perfil. Essas informações poderão ser vistas por todos.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top